É só festa! Vitória suada sobre o Bragantino coloca o Botafogo nas quartas de final e na Série D

14/04/2013 22:41
Em um único jogo, duas conquistas. E, se tudo que é mais suado tem mais valor, a vitória do Botafogo sobre o Bragantino por 1 a 0 pode ter tripla comemoração. De uma só vez, o Pantera se reabilitou no Paulistão, garantiu vaga nas quartas de final e ainda ingressou oficialmente na Série D do Brasileiro deste ano. Tudo graças ao gol do prata da casa Daniel na noite deste domingo (14).
 
A vitória deixou o Botafogo com 31 pontos restando uma rodada para o término da etapa de classificação. Assim, não poderá mais ser alcançado pelo Linense, nono colocado. A briga pela última vaga ficará entre Linense e Penapolense. No outro domingo (20), o Bota tem a chance de melhorar a sua colocação ao enfrentar o XV de Piracicaba, fora de casa, pela última rodada. Dependendo dos resultados, pode até ficar em quinto.
 
No duelo no Santão, o encontro de dois dos times mais faltosos do Paulistão não poderia ter outra tônica a não ser a pegada. Antes da rodada deste fim de semana, o Bota registrava 368 faltas cometidas contra 321 do Massa Bruta - nenhum outro clube havia cometido mais de 290 faltas.
 
E logo no primeiro tempo, duas expulsões. Aos 38 minutos, o volante do Bragantino Serginho subiu para cabecear e acertou o cotovelo no rosto do meia Douglas Packer: cartão vermelho. Logo em seguida, aos 42, Malaquias entraria sozinho na área para abrir o placar não fosse Francis intervir. O botafoguense agarrou o adversário e também foi expulso.
 
O Braga encontrou mais espaços e exigiu do goleiro Rafael três milagrosas defesas no segundo tempo. Mas o gol de Daniel ainda estava por surgir. Aos 13 minutos, o lateral recebeu cruzamento, dominou e chutou no canto direito baixo do goleiro Rafael Defendi: 1 a 0.
 
O jogo seguiu trucado e com direito a mais uma expulsão. Em um intervalo de um minuto, César Gaúcho recebeu dois amarelos e o vermelho. Mas Rafael segurou a vitória e as duas vagas.
 
 
Ficha Técnica
BOTAFOGO 1 X 0 BRAGANTINO
Estádio: Santa Cruz, em Ribeirão Preto-SP
Público: 6.382 pagantes / Renda: R$ 104.293,00
Árbitro: Vinícius Furlan
Auxiliares: Carlos Augusto Nogueira Júnior e Alex Alexandrino
Cartões Amarelos: Preto Costa, Daniel e César Gaúcho (BOT); Preto e Léo Jaime (BRA)
Cartões Vermelhos: Francis e César Gaúcho (BOT); Preto (BRA)
Gols: Daniel 13'2º (1x0)
 
BOTAFOGO
Rafael; Igor, Cris e Preto Costa; Daniel, César Gaúcho, Douglas Packer, Danilo Bueno (Otacílio Neto) (Alemão) e Giovanni; Francis e Dimba (Henrique Mattos)
Técnico: Marcelo Veiga
 
BRAGANTINO
Rafael Defendi; Kadu, Guilherme e Carlinhos; Diego Macedo, Serginho (Matheus), Preto, Léo Jaime e Geandro (Bruno Iotte); Malaquias (Magno Cruz) e Lincoln
Técnico: Mazola Júnior
 
Rafael Gonçalves
Voltar

Escreva seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!