Castigado! Empate de última hora com o XV evita fim de longo jejum do Comercial fora de Ribeirão Preto

17/08/2013 15:21
Cinco minutos separaram o Comercial da segunda vitória na Copa Paulista de 2013, justamente a que representaria o fim do jejum de triunfos fora de Ribeirão Preto. Castigado com um pênalti marcado pelo árbitro na etapa final, muito contestado pelos jogadores comercialinos, o time alvinegro apenas empatou com o XV de Piracicaba por 2 a 2, no estádio Barão de Serra Negra, pela oitava rodada.
 
Embora tenha voltado a fazer gol fora de casa depois de cinco jogos - o último havia sido em Capivari, contra o Capivariano, pela Série A2 -, o Comercial ampliou para 31 a série sem vitórias em outras cidades. A última foi em Araraquara, na Copa Paulista de 2011, sobre a Ferroviária. Desde então, foram 13 empates e 18 derrotas nos 31 jogos fora de Ribeirão Preto.
 
O ponto conquistado na noite desta sexta-feira (16), em Piracicaba, não foi o suficiente para recolocar o Leão do Norte no G4 do Grupo 2. Agora com sete pontos e uma única vitória, o Bafo passou para o quinto lugar e fará um confronto direto pela quarta vaga diante do Independente, no próximo sábado (24), às 16h, no estádio Palma Travassos.
 
Contra o líder XV, o Comercial abriu o placar aos 11 minutos de jogo, quando o goleiro Thiago Passos rebateu um chute de Osman e Leleco apenas empurrou para o gol. No início do segundo tempo, depois de muita pressão, o XV empatou o jogo. Aos 16 minutos, Cafu cruzou na área e Celsinho mandou para as redes. Entretanto, o Leão voltou a ficar na frente quando Charles tabelou com Leleco e a bola chegou até Henrique Motta, que mandou para as redes, aos 23 minutos. Para selar a vitória, o técnico Gil Baiano fechou o time, mas não obteve êxito. Aos 43 miuntos, Paulo Roberto empatou o jogo em cobrança de pênalti cometido pelo lateral Jonathan. Os comercialinos alegaram erro do árbitro antes do gol de empate: 2 a 2.
 
 
Ficha Técnica
XV DE PIRACICABA 2 X 2 COMERCIAL
Estádio: Barão de Serra Negra, em Piracicaba
Público: 511 pagantes / Renda: R$ 6.089,00
Árbitro: Édson Reis Pavani Júnior
Auxiliares: Márcio Luiz Augusto e Everaldo Jorge da Silva
Cartões Amarelos: Rodrigo, Adriano e Cafu (XV); Henrique Motta, Willian e Glauco (COM)
Gols: Leleco 11'1º (0x1), Celsinho 16'2º (1x1), Henrique Motta 23'2º (1x2) e Paulo Roberto (P) 43'2º (2x2)
 
XV DE PIRACICABA
Thiago Passos; Clayton, Romário, Rodrigo e Fabiano; Adilson Goiano, Diego (Celsinho), Adriano e Bruno (Douglas); Rafael Magalhães (Paulo Roberto) e Cafu
Técnico: Cléber Gaúcho
 
COMERCIAL
Marcelo; Jonathan, Glauco, Hélio e Willian; Henrique Motta, Gimenez, Samuel Souza e João Antônio (Charles); Leleco (Richard) e Osman (Moisés)
Técnico: Gil Baiano
 
Rafael Gonçalves


*Exercite a ética jornalística. Cite a fonte.
Voltar

Escreva seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!